2º Episódio do Café Sem Riscos – Sérgio Hoeflich
14 de junho de 2017
Introduçāo a riscos contábeis
22 de junho de 2017
Ver todos

Prevenção na gestão de frotas

Muito pode ser feito pelas empresas e suas frotas para prevenção de acidentes rodoviários. Não podemos subestimar os riscos de acidentes das estradas brasileiras, especialmente pois 60% das cargas transportadas no nosso país estão no modal rodoviário. Abaixo alguns temas que a RiskLog e seus consultores acreditam ser um caminho para saúde nas estradas, seja para frotas ou transportes de cargas:

  1. Criação de uma política de frotas
  2. Entrega do veículo
  3. Cuidados na direção de veículo
  4. Gestão de multas
  5. Manutenção
  6. Em caso de acidentes ou roubo
  7. Em caso de acidentes graves
  8. Informações gerais
  9. Estatísticas de sinistros
  10. Recomendações gerais

Abaixo um pouco mais sobre cada um destes temas:

1-Criação de uma política de frotas

Desenhar documento que será assinado pelo CEO ou Diretoria responsável e o motorista que receberá o veículo.Deve ser validado pelo RH, compliance e gestor de frotas alinhado com a estratégia da empresa.Este documento deve conter as responsabilidades e penalidades seja na entrega, direção, multas, devolução, acidentes / seguros, manutenção dos veículos, informações gerais, sinistros e recomendações.Cada categoria de veículo e utilização pode ter variantes desta política (carros leves, pesados e super pesados)

2- Entrega do veículo

Realizar vistoria nos veículos (externa e interna, Ex: bateria, pneu estepe, equipamentos de segurança, etc.)O usuário não pode retirar o veículo que esteja fora de condições de uso (Ex. sem estepe ou equipamentos de segurança)

 3-Cuidados na direção do veículo

Nunca iniciar uma viagem se o motorista não estiver com condição para dirigir. Ex. mal estar, sono, cansaço, stress, etc.Respeitar as leis de trânsito nunca ultrapassando as velocidades permitidas.Uma rota principal deve ser desenhada em conjunto com o gestor de frotas sempre buscando melhor custo benefício para empresa.A melhor rota pode ser aquela que possui pontos de apoio (Ex. banheiro, socorro, apoio, etc.) a cada 4 horas na ida e volta.O usuário deve seguir a legislação de controle de jornada respeitando pontos de apoio e preparação para as viagens.

4-Gestão de Multas

Todas as multas são de responsabilidade de pagamento / reembolso dos motoristas, por este motivo o gestor de frotas fará um controle dos usuários e das multas.Um usuário que tiver mais de uma multa por mês deve conversar com seu gestor e responsável do RH para rever o que esta ocorrendo na boa condução de seu trabalho.

5-Manutenção

O usuário será informado do momento e local que deve entregar o veículo para referida manutenção preventiva.A manutenção deve ser realizada de acordo com as boas práticas de cada fabricante e categoria de veículos.

6-Em caso de acidentes ou roubo

Em caso de acidentes o usuário deve informar a corretora, seguradora e seu chefe direto.Se houver somente perda material do veículo Cliente o usuário seguirá as recomendações do gestor de frota.Caso haja danos envolvendo terceiros as autoridades competentes devem ser envolvidas.Um Boletim de Ocorrência deve ser emitido oficializando o acidente.

7-Em caso de acidentes graves

Acidentes graves são aqueles que pessoas se machucam (Seja Cliente ou terceiros)Neste caso o usuário deve escrever (em próprio punho) uma declaração da ocorrência contendo detalhes como abaixo:

  • Local do acidente, origem, destino, detalhes da ocorrência
  • Uma entrevista com RH e o Gestor de Frotas deve ser feita para reconstituição dos fatos.

Caso seja detectado que o usuário precise de apoio ou treinamentos o gestor deve orientar o usuário.Caso o usuário seja responsabilizado criminalmente pelos danos aos terceiros a Cliente poderá julgar o possível afastamento ou mesmo justa causa do funcionário.Neste caso uma empresa de investigação deverá emitir um laudo conclusivo que imputará as responsabilidades do acidente.

8-Informações gerais

A Cliente segue o código de trânsito brasileiro e não tolera:

  • Uso de drogas ou álcool.
  • Excesso de velocidade.
  • Direção não segura.
  • Falar / digitar / escrever no celular, tablets ou cadernos enquanto dirigindo.

Em caso de acidentes pedimos que o usuário sempre siga as orientações de nossa seguradora e corretora de seguros, assim como da alta direção da empresa.

9- Estatística de sinistros

A Cliente com auxilio da corretora e seguradora vai levantar as ocorrências, a cada trimestre, orientando os usuários das principais tendências dos sinistros.As estatísticas devem conter tipo da ocorrência, local, origem, destino, relato do caso.Recomendações serão apresentadas para os usuários seja para condução, manutenção ou cuidados nas vias.

10- Recomendações gerais

Visitar o cliente e debater a realidade da distribuição de seus produtos ou serviços.Entender como funciona a dinâmica de cada tipo de usuário de frotas leves, pesadas e super pesadas.Realizar uma inspeção em alguns veículos de operação entendendo as responsabilidades e momentos de entrega, manutenção, sinistros e etc.A saúde de cada motorista pode prevenir acidentes graves nas estradas.Seguir a legislação de trânsito de cada local de operação.Instalar dispositivos de controle dos motoristas.Realizar grupos de discussão dos acidentes ou quase acidentes para identificar as causas e remedia-las.Assim realizando recomendações específicas para realidade e atual necessidade do cliente.

Sobre a RiskLog

A RiskLog é uma empresa de consultoria especializada em riscos e logística para o transporte Brasileiro. Atuamos em embarcadores, transportadores, corretores e seguradoras realizando treinamentos, análise de riscos, projetos, vistorias e análise de sinistros. Nossa missão é auxiliar os clientes na prevenção de acidentes e aumento de sua lucratividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *